quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Eu me lembro de você descontrolada tentando se explicar
como é que a gente pode ser tanta coisa indefinivel,
tanta coisa diferente sem saber que a beleza de tudo é a certeza de nada
e que o talvez torne a vida um pouco mais atraente...
(uma delicada forma de calor - leoni)

Um comentário:

lu disse...

detalhes te conto depoooois!!
bjusssss